PLANTAS SÃO GENTE


Muitas vezes, ao escolher uma planta, você é escolhido por ela. Ela te captura com seu formato, sua cor, sua composição natural, mas ao chegar em casa nem sempre você tem o ambiente adequado para ela e a história de amor acaba de forma triste.

Então, ao escolher uma planta seja firme e focada(o). Escolha aquela para a qual você pode oferecer as condições favoráveis de desenvolvimento e “imitar” seu ambiente na natureza.

Mesmo ao fazer essa escolha assim - com mais razão do que paixão - pode acontecer de você pensar na planta somente como algo decorativo: quero uma para a estante, ou quero colocar atrás do sofá, quero neste suporte alto e... a estante não tem luz suficiente ou fica num lugar sem ventilação, atrás do sofá é escuro e abafado e o suporte alto seu cachorro pode derrubar. Será que essa história pode acabar bem?

Quando você chega em casa com a planta escolhida, com bastante critério, e mesmo assim as coisas não dão certo, isso não quer dizer que suas escolhas são de má qualidade ou são difíceis demais de manter. Significa apenas que precisamos observar, conhecer mais e experimentar novos lugares.  

Uma planta é um ser vivo e tem suas próprias leis. E suas condições de vida devem ser respeitadas.                             

Como o gatinho que adotou e que não gosta da ração “x” ou só come se você põe no prato, as plantas também comunicam os problemas que estão tendo e não é difícil você descobrir. Basta colocar em prática o exercício da observação. Esse lugar está bom? Ela está se adaptando? Preciso regar mais ou regar menos? Ela gosta deste lugar perto da janela? Preciso podar? Preciso mudar de vaso?

Por aqui procuramos adquirir as plantas de produtores de Holambra, onde há os cooperados, e que possuem controle de qualidade. Também estamos atentas aos cuidados de forma a deixar nossas plantas sempre saudáveis e dificilmente você levará uma planta doente para casa. Contudo, algumas “pragas”, como são conhecidas popularmente, vem pelo ar então não temos muito controle sobre elas. O importante é observar e utilizar ações preventivas e corretivas se o problema surgir.

Outro fator que também afeta as plantas são as estações do ano. Há períodos de adormecimento, de hibernação. Outros em que precisa de poda, outros de adubação.

Mas, não é tão difícil assim... vai! Criar bichinhos ou seres humaninhos é uma tarefa muito mais complicada.

Se sua planta ficou doente, pode ser que haja solução. Não desanime. Procure pesquisar, hoje em dia há muitas fontes que podem nos auxiliar com cuidados e dicas. Conte com a gente!

E então, desfrute de todos os benefícios que as plantas trazem para nós. Com um pouco de conhecimento e cuidado e qualquer cômodo da sua casa pode abrigar a natureza, de diversas formas.